Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

quarta-feira, 25 de janeiro de 2012

5 meses




És uma bebé muito linda. Daquelas que todos param para admirar. Ainda ontem uma senhora nos dizia, enquanto esperávamos pelo doutor, que havia meninas com cara de rapaz mas que tu eras daquelas bebés mesmo-mesmo-mesmo com cara de menina. Pestanuda cutchi cutchi e que pisca os olhinhos vezes sem fim, cativando toda a gente à sua volta.
És um doce. Mesmo doente sorris. Mais para a mamã mas também para toda a gente. Sorrir é o que mais sabes fazer. É o que mais gostas de fazer. E fá-lo tão bem.
És muita atenta e serena. Mesmo agora que estás doentinha.
Passaste metade deste mês com maleitas e perdeste peso. Ou melhor, no balanço final ganhaste muito pouco. Continuas no percentil 10. E tens o mesmo peso que o teu mano pequenino, que tu adoras, tinha aos 3 meses de idade. Eu sei que tem de haver bebés para todos os percentis mas custa-me que o teu seja tão baixinho. Preocupa-me, pronto. E confesso que já me afasto das conversas sobre bebés, em que todos são espectaculares (viram-se, rebolam, agarram nos pés, e pesam todos já mais de 7Kg e medem todos mais de 65 cm). Sei que é este o teu ritmo e é assim que vais continuar. Ando muito confusa sobre o que hei-de fazer sobre a tua alimentação. Até agora foi sempre e apenas leite da maminha da mamã. E a partir de agora? A enfermeira, acérrima defensora da OMS, acha que podes perfeitamente ir assim até aos 6 meses. O pediatra acha que precisas do ferro dado pela sopa antes dos 6 meses. O teu avô acha que se começasses já com as papas provavelmente engordarias um bocadinho mais. E eu? Eu estou confusa. Os dois manos mais velhos por esta altura já não mamavam, infelizmente. O teu quase gémeo mamou em exclusivo até aos 6 meses. E tu? Contigo preocupa-me este percentil 10, estes 5.600kg de gente.
Por falar em maminhas, continuo a adorar poder alimentar-te. E sei que sou daquelas que se a mama não for estimulada tantas vezes o leite vai diminuindo até acabar. 
O tal aparelhómetro (itzbeen) tem sido mesmo o nosso melhor amigo. Graças a ele já não stresso. Sei nas calmas a que horas mamaste, a que horas vais mamar, quanto tempo mamaste e, repara bem, até sei qual foi a última maminha em que te alimentaste! Foi a melhor prenda que a mãe ofereceu a si própria. Olaré.

Adoro o sorriso que fazes ao acordar. Adoro ver-te a interagir com os manos. Adoro ver-te a palrar e a conversar animadamente, mesmo com o comando da televisão. Adoro o teu sono reparador e só não adoro a tosse que te tem importunado durante a noite. Adoro ver-te a olhar muito compenetrada para a chupeta e a agarrá-la com jeitinho e a enfiá-a na tua boca.

Falta-te sair mais. Precisas sair mais. Precisas de passar de colo em colo. Precisas de ter menos roupa em cima para poderes mexer-te melhor. Precisas, precisamos de sol.

E nunca te esqueças:

Who fed you from her gentle breast and hushed you in her arms to rest,
And on your cheek sweet kisses prest?


Amo-te pequenina.

43 comentários:

Rita disse...

Conselhos sobre este tema são sempre controversos. Por isso, nem te digo qual é a minha opinião porque isso não interessa nada.

Confia na tua intuição de mãe e vais certamente tomar a melhor decisão!

Beijinho

sofia disse...



Quanto à alimentação, cofia nos teus instintos
Com a minha filhota, o pediatra queria introduzir as sopas antes mesmo dos 5 meses, visto a amamentação ser acompanhada de LA, mas ela ia engordando e era um bebe desperto e com genica e com não me senti bem com essa decisão, só começou a comer quase 1 mês depois
Beijinhos e as melhoras da tosse

Rita disse...

Ok... foste tu que pediste :)

Já fiz formações na área da amamentação. Não sou nada fundamentalista mas acho que não há nada melhor que continuares a amamentar a tua menina em exclusivo até aos 6 meses.

De qualquer forma não me faz confusão nenhuma que lhe comeces também a dar sopa (apenas a uma refeição). Isto se realmente tu achares que é importante. Podes sempre dar a sopinha e de seguida completas a refeição com maminha... tipo sobremesa.

Já a papa acho que não vai acrescentar nada de novo em termos
nutritivos. Se a ajuda a engordar? Sim, talvez. Mas não sei até que ponto isso é importante. Mais peso não significa mais saúde!

Mas isto é apenas uma opinião. Como te disse no comentário anterior: faz aquilo que a tua intuição te diz!!! Confia em ti!!!

Duchess disse...

:)

Concordo. Com quse tudo:)

Não ei se leste algo que escrevi no blog antigo. descobri pelo pediatra, há mais de um ano (e ontem a enfermeira do centro de saúde voltou a falar-me disso), que o maior erro que se pode fazer é dar sopa e depois complementar com a mama, porque o cálcio do leite corta/inibe o efeito do ferro.
Por isso deixei de cometer um erro crasso, que cometia. Deixei de dar sopa aos meus mais velhos e no segundo prato acompanhavam-no com um copo de leite! O mesmo serve para os iogurtes.

Mãe da Tiz disse...

Já 5 meses?!?! Muitos parabéns pela tua bonequinha linda!
A minha em bebé sempre foi peso pluma e claro q tb me preocupava... hj está no p.75 de peso... nada como deixar o organismo seguir a sua vontade :)
Sei que não é nova, mas é o que acredito, segue o teu coração!

Mil beijos*

Princesa disse...

Que texto tão bonito S. !
5 meses... Passa rápido o tempo! Parabéns pela ternura de Princesinha que tens!!!
Quanto à alimentação, não te posso ajudar, por muito que quisesse. Tal como tu sabes, a F. nunca mamou, por isso o regime alimentar dela é diferente. Não te preocupes em demasia com o percentil...é só um número. Desde que ela esteja saudável, é o que importa. As melhoras rápidas para essa tosse que importuna tão bela e serena Princesa...
Um grande beijinho nosso

flower power disse...

e já passaram cinco meses...
muitos parabéns para a Conchinha! e como já disseram segue o teu coração e intuição, esses sim, são os teus melhores conselheiros! embora por vezes a gente pense que eles também nos enganam!
não te esqueças que já vai longe o tempo em que gordura era formosura! ;)

TERRA DE CORES disse...

Parabéns pelos 5 meses da princesinha C. :)
É linda ela! A tosse irá deixá-la... em breve, esperemos!

Da alimentação, concordo c tudo o q já disseram. Tu saberás melhor do que ninguém.
O F mamou em exclusivo até aos 6M e continuou a mamar até aos 15M, até ele querer.
Cada bebé é diferente e o que interessa é que estejam saudáveis.

As melhoras e um bjinho grande :)

Tânia (Mamã do Santiago) disse...

Parabéns Princesa :)

Sandra disse...

Olha tu adoras a tua princesa ... e eu????

Eu adoro te a ti tal como tu és, tal como tu escreves, tal como tu decides o que queres para os teus meninos, ADORO TE.

A tua boneca, está um mimo, ela é um MIMO, e têm um vestido tão lindo ...

E em relação a bebes de percentil baixo tenho dois em casa, o Kiko e a Mimi, não me stresso mesmo ...

Beijo meu

Sandra Gonçalves

Melancia disse...

Pois bem, passei pela mesma dúvida, pelo mesmo medo do peso não ser o suficiente e, oscilei entre o dá, não dá a sopa, mantém, não mantém só mama... O Diogo não estava no P10, estava no P25, mas no P75 de comprimento, havia ali uma desfazamentozito...mas mantive só mama até aos 6... pensa assim... papas e sopas e frutas vão haver pela vida toda, mas a maminha um dia acaba, por isso mais vale aproveitar o mais possível. Ela tem tempo de engordar e ganhar regueifas e bochechas, se bem que isso não é o mais importante. Gostas de a amamentar, dá-te prazer? Então segue a tua vontade... E, além do mais, as necessidades de ferro são supridas pelo leite materno até aos 6 meses.
Beijinhos, parabén e as melhoras da pequena.

Raquel disse...

Aqui fica entao copiado do facebook (com um bocadinho de texto que, entretanto, me apercebi que, por alguma razao, foi apagado da mensagem original…)


amamentacao exclusiva vs nao exclusiva - nao gosto nada de fundamentalismos, ainda mais pq mts vezes falham na interpretacao dos dados disponiveis.

dito isto, devo tb dizer q sou acerrima defensora da amamentacao; amamentei o A em exclusivo ate aos 5 meses e so paramos de todo qs aos 18, pq achei q estava na altura de passarmos a nao ter q acordar (ainda q fossem so 10 min) as 4h da manha.

na altura de decidir o q fazer a partir dos 5 meses, ouvi toda a gente e todas as opinioes (desde cegos defensores da exclusividade ate aos q achavam q a mama era acessoria) e acabei por decidir introduzir a sopa, com mt calma, numa unica refeicao, a partir dos 5 meses.

principais razoes:

razao 1) a opiniao do pediatra (que tenho por muito ponderado e sensato) era que havia de facto vantagens em habitua-lo ‘a colher na boca a partir desta idade, pq, aparentemente, em alguns miudos, a coisa complica-se qd a colher e' introduzida mt tarde (rejeitam-na; mais tarde tem mais tendencia para rejeitar solidos nao passados, etc; novamente, isto nao e’ uma verdade universal, e’ apenas uma tendencia. se ha coisa que fui interiorizando e’ que no que toca a saude, diagnosticos e bebes, e’ tudo uma questao de estatistica, tendencias e distribuicoes de probabildade…);

razao 2) tb segundo o pediatra, e de acordo com outras fontes q acabei por ir consultar, os dados da OMS, ate certo ponto, carecem de alguma evidencia estatistica.
ou seja, nao ha quaisquer duvidas q o leite materno e' o melhor alimento para o bebe e, sobretudo em paises/situacoes em que a alimentacao pode nao ser a mais adequada, e' de facto aconselhado q seja em exclusivo ate aos 6 meses.
agora, a relevancia estatistica dos dados q apontam para o facto da mama exclusiva ate aos 5 meses ser diferente de mama exclusiva ate aos 6 meses, no q toca ‘a prevencao de futuras alergias alimentares e melhorias do sistema imunitario enquanto criancas/adultos e' questionavel. parece-me a mim que e' nesta parte que quem cai no fundamentalismo com bandeira OMS, falha um bocadinho.
em resumo, havendo garantias de que a alimentacao e a introducao de alimentos aos 5 meses sao as adequadas, os beneficios de mais um mes de amamentacao em exclusivo podem ser marginais ou mesmo inexistentes e, portanto, devem ser pesados com outros aspectos. (e atencao, que nao estou a defender que se deve parar por completo a amamentacao aos 5-6 meses; estou apenas a falar em exclusividade)
pronto, e' so mais uma opiniao, ou melhor, nem isso e' - e' a minha experiencia, que so vale tanto como outras.
um bj
r

disse...

Olá!
Muitos parabéns para a C e para ti pelos 5 meses de amamentação exclusiva que sei ser importante parar ti.
A M mamau em exclusivo até aos 6 meses, menos dois dias porque eu queria estar presente quando experimentasse pela primeira vez sopinha.
Pela pediatra eu teria começado um pouco mais cedo pois o peso da M era um pouco baixo. Mas eu fui pelo meu instinto, tinha uma bebé que ficava satisfeita no fim da mamada e não pedia para mamar antes do intervalo de 3 horas.
O que disseste acima está completamente certo, não se deve dar ferro e cálcio junto, pois o cálcio não permite que o ferro seja absorvido.
E o que a Rita disse também é verdade o aumento de peso não traz saúde!

O mais importante é confiares em ti mesma, ninguém conhece melhor a C do que tu! E o que escolherem de certeza que vai ser o melhor para vocês.

Continuação de melhoras para a C e muitos beijinhos para todos.

Rita disse...

Pois, realmente não tinha pensado nisso. Tens toda a razão. Dar maminha depois da sopa não é realmente uma opção!

Eu deixei de ter acesso ao teu outro blog há muito tempo. Não sei porquê.

Beijinho e boas decisões :)

dofundodabarriga disse...

Mas que ternura!
Que texto bom e que bebé maravilhosa!
Estou contigo querida, nos bebés de baixo peso e nas tosses... E sei o que custa e o quanto nos tentamos convencer que o percentil não interessa nada mas, no fundo, andamos sempre com a preocupação do peso. Eu sei. E subscrevo o que foi dito em cima, a decisão que tomares será sempre a mais acertada, és a Mãe, és quem mais a ama e lhe quer o bem. O que fizeres será o melho para ela. Em relação à tosse, é massacrante. Eu passei isto com o MM até aos 3 anos e, como dizia o Pediatra, de um dia para o outro, o rapaz ficou rijo como "um touro". Com ela tem sido uma constante de bronquiolites. Os meus filhos, em pequeninos simplesmente não ficam constipados, fazem logo infecções respiratórias. Estou solidária contigo nessas noites dolorosas.

Muitos beijos! És a maior.

rita.cestmavie disse...

Muitos parabéns pelos 5 meses!!!!!
Tb acho que deves seguir a tua intuição! Mas só para baralhar mais um bocadinho :))) deixa-me dizer-te que li um estudo há pouco tempo que vem contradizer a OMS. Segundo este estudo a partir dos 4 meses deve-se começar a introduzir outros alimentos porque está comprovado (segundo o estudo) que as crianças que mais cedo começam as papas e as sopas são aquelas que no futuro terão menos problemas de alimentação (serão menos esquisitinhos). São teorias...

Quanto às papas, não servem só para engordar, são ricas em cereais e isso completa a alimentação do bebé!

Como mudei de país tive de mudar de pediatra... se não fosse pelo meu instinto de Mãe acho que dava em doida... e obviamente que trouxe o email da pediatra daí, que até agora me parece ser a mais sensata de todos os que já conheci eheh

Bjs e boa sorte :))

Té F. disse...

Parabéns à C. pelos 5 mesinhos!

A minha bebé actualmente já a ficar uma menina mamou desde o 1º dia de vida e até aos 26 meses. Nunca aceitou suplementos. Aos 4 meses quando o pediatra disse para introduzir a papa, ela rejeitou. Não havia marca de papa que fosse do seu agrado.
Aos 6 meses o leite materno começa a perder ferro.
Entre os 6 meses e os 9 (só foi detectado aos 9 meses) a M. fez um desvio negativo do percentil do peso e chegou ao P. 5.
Rejeitava praticamente toda a comida sólida (a sopa comia bem) e acabou por ter uma anemia...tudo porque só queria maminha!

Hoje é uma criança saudável. Continua a detestar papas (farinhas) mas é uma sopeirinha...o que ela gosta de sopa!
Continua com um peso pluma para a idade!
Magrinha mas saudável e isso é o que interessa ;)

Desculpa o testamento.
Beijinhos

Full-time Mom disse...

Muitos parabéns pelos 5 meses! E é verdade, a C. é mesmo linda!
Eu introduzi os sólidos ao Minúsculo aos 4 meses e à Minúscula aos 6, aos 6 correu muito melhor que aos 4, de todo.
Outra questão, o leite pode de facto diminuir a absorção de ferro que há na sopa, MAS até aos 6 meses o leite materno tem TODO o ferro (e todos os nutrientes, of course) que o bebé necessita, por isso se não absorver o ferro da sopa absorve o do leite. O que o meu pediatra sempre aconselhou na introdução dos sólidos foi precisamente o contrário, primeiro a mama e depois a sopa ou a papa. A sopa ou a papa é que complementam a amamentação (que a partir dos 6m deixa de ser suficiente) e não o contrário.
O peso é uma falsa questão e, como tu dizes e muito bem, têm de haver bebés para todos os percentis. Desde que o bebé tenha um bom desenvolvimento global, o peso não é assim tão importante.
Beijinhos

Mamã Petra disse...

O unico bebe que alimentei ao peito depois do 1º mês de vida foi o Gabriel, nos outros o peito secou do nada, de um dia para o outro. Acho que hoje em dia tenho uma vida bem mais equilibrada e feliz e isso reflecte-se em tudo. No caso de Gabriel ele sempre teve percentil e precisava de muito alimento, comecei a dar-lhe a sopa aos 4 meses, porque eu dava suplemento a todas as refeições. Ele nunca comeu papas, farinhas e afins só engordam e ele não precisava, eu sempre fui magrinha e baixinha e estou aqui, como tu dizes tem de haver bebes para todos os percentis.
Confia no teu coração de mãe, ele sabe sempre a melhor opção.

Beijinhos grandes e até já...

Duchess disse...

Que assunto complicadinho este!
Tenho sempre receio que o meu instinto não seja suficiente. Tenho sempre receio de ir pelo caminho mais fácil... agora qual é o mais fácil? Dar a sopa e pronto? Ou dar a mama e pronto e não ter que me preocupar com comidas por mais 1 mês?

Acreditem que eu prometi a mim mesma que desta vez não ia stressar nem um bocadinho com isto. ahahaha. está bem abelha.
Não seria eu se não stressasse com estas coisas:):)

Obrigada pelos parabéns. Obrigada pelos vossos testemunhos e pelas vossas palavras!

Beijo doce

AvoGI disse...

olá adorei esta descrição.
e realmente nestes dias (aqui com sol) mas frio nao pode a menin ir para a rua desagasalhada , há que esperar pela primavera e verão
kis ;=)

M.P. disse...

Parabéns à pequenina!:-)
Quanto aos percentis, altos ou baixos, julgo que o que importa é nunca variarem muito. Ao que sei, a C., mantém-se mais ou menos no mesmo percentil desde que nasceu. Por isso acho que só deverias preocupar-te se ela estivesse sempre a baixar no percentil.
Em relação à alimentação, tens de ouvir o teu instinto, mas ouvir também a pediatra da C. Acho importante sempre a opinião dos pediatras. Afinal de contas, cada bebé é um bebé e eles estão a par do seu desenvolvimento, e se vamos às consultas deles e confiamos neles, os conselhos que dão devem sempre ser escutados.
Um grande beijinho às duas!!

Daniela disse...

ai minha Concha linda,5 meses!! parece que foi ontem;)
E tu minha querida Sofia,é isso relaxa tu és a mãe e sabes bem melhor que todos o que ela precisa e se ela fica satisfeita. todos são diferentes,olha a Frederica fez só mama em exclusivo até aos 4 meses e depois começou com papa,odiou e passou logo para a sopa. A Benedita mama exclusiva até aos 6 meses e começou com fruta,e só depois passou para a sopa!
E se complementares com outro leite para ver se ela aumenta um bocadinho de peso?!
Ela é mesmo,mesmo linda,perfeitinha,tão fofa ;)
Parabéns a voçes ;)beijinhos

Uma boa parte de mim disse...

Duchess,
Que bonito é ler um texto dedicado assim. Diferentes que são, estes "Livros de bebé" da era digital, são registos que serão não só importantes na reconstrução da história dos nossos meninos e meninas, como são também, em cada post, um terno momento de partilha com quem os lê. E que saudades me deu do cheirinho e da pele quentinha do meu biscoito, nesta idade... Obrigada! :)

raquel disse...

Muitos parabéns, pequenina C.
Muitos parabéns, Duchess.
Que texto tão bom! Tão doce e sereno... Adorei!

Em relação ao percentil, eu percebo que te preocupe (é impossível não preocupar) mas é mesmo como tu dizes, cada bebé tem o seu ritmo, o seu tempo, o seu percentil.
E a C. está linda, saudável (apesar dessa tosse e destas últimas maleitas), serena e é uma bebé feliz. E isso é que importa.

A alimentação! Outro dilema igual por cá...
O pediatra do A. é a favor da amamentação exclusiva (quando possível) até aos 6 meses. E eu adorava poder fazê-lo. Mas em princípio só será em exclusivo até aos 5 meses, pois terei que ir trabalhar e é de todo impossível mantê-la.
Mas que gostava, gostava...
Ouve-te a ti, ao pediatra e tenho a certeza que tomarás a decisão mais acertada. Aquela que te virá do coração.

Um beijo enorme para as duas*

Uma boa parte de mim disse...

p.s. Não fosse o nome do post de um outro blogue, não fazia ideia de que era essa coisa com um nome estranho, que dá horas ás maminhas...

Se não conheces já, deixo-te o link do blogue: http://odonaiana.blogspot.com/

Vale a pena, por todas as preciosas sugestões que apresenta.

Beijinho grande

Duchess disse...

:):)

Conheço, tenho e recomendo!

Beijinho grande

Magui disse...

Muitos parabéns por mais um mesinho! Já contam com uma mão cheia deles!
Quanto ao resto tu é que sabes mas podes sempre arranjar um meio termo e introduzir outros alimentos aos 5 e meio...
Seja como for só falta 1 mês para ela começar a comer outras coisas e nao vale a pena estares a entrar em stress agora!
Beijinhos enormes e as melhoras da C.

Duchess disse...

Parabéns para nós, não é? Mana gémea das coincidências felizes:)

Mary disse...

Que fotos tão fofas! Parabéns!

Magui disse...

Pois Parabéns a nos, e nao ia mesmo ver se nao me avisas :)! Somos mesmo gémeas de semanas de gravidez e depois de hora (só falhamos que uma foi AM e a outra PM)... ele há mesmo coisas que nao se explicam :)
Beijinhos grandes

Duchess disse...

Agora com mais calma: obrigada uma vez mais pelas vossas gentis palavras.
Não é um assunto fácil para mim. Sempre pensei que ao 4º não stressaria...está bem abelha.
Não stresso muito....mas stresso sempre.

A Maria Duchess não seria a Maria Duchess se não stressasse um bocadinho com estas coisas.


PS: não lhe dou suplemento porque ela para de mamar quando quer e nunca, nem uma vez só, ficou a chorar por mais. Ela mama pouqinho, isso é certo. É uma rapariga de pouco alimento, tal como os irmãos.

Fala-se muito pelos blogs do sono, das dormidas, das noites. Aqui por casa, muito pior do que isso, foi sempre a alimentação. Como diz a minha mãe, é esse o meu calcanhar de Aquiles.

Mas pronto, lá está...vou ter uma top-model e ponto final:)

Beijinho grande a todas. You are the best

Full-time Mom disse...

É isso mesmo uma top-model! É o que eu dizia da minha, também aumentava pouco (pouco... era pouco mais que o mínimo mas engordava) e vê lá se agora não está toda boa! :)

Duchess disse...

Está sim senhora:)

Petite Numi ***handmade with love disse...

Pequenina, magrinha...sao as mais lindonas!

Andreia disse...

Muitos Parabéns pelos 5 meses da Concha!
O meu filho mais velho sempre esteve abaixo do percentil, aliás houve uma altura em que nem percentil tinha. Depois lentamente foi ganhando peso, mas sempre ao ritmo dele. Hoje com 7 anos, tem um peso/altura aceitável para a idade mas sempre baixo. MAs eu não sei o que são filhos com percentis 50 e 75 :) Bjs e boas decisões.

Duchess disse...

Obrigada!
:)

Muxy-Muxy disse...

Olá obrigada pelo comentário e pelo post referência. Sobre a diversificação duas ou três coisas. A diversificação alimentar tem de ter em conta a idade do bebé, a situação social em que está inserido e a mãe que tem. Como o teu pediatra acho que o leite materno exclusivo tem um único senão que é a carência de ferro. Em principio a tua bebé tem reservas até aos seis meses e por isso é licito manter a amamentação exclusiva até lá. Desde que a introdução de CARNE seja depois muito expedita. Nós, omnívoros, vamos buscar ferro em quantidade adequada à carne mas aos vegetais nem por isso. Por outro lado se introduzires a sopa um pouco mais cedo começas a repor as reservas de de ferro mais cedo e isso é tudo o que ganhas daqui. Por isso podes fazer das duas maneiras. Quanto à papa tem dois interesses o treino mão colher ( podes fazer com a sopa) e o aumento de calorias e possível aumento de percentil da tua filha. Esta última premissa não tem interesse nenhum. Irrita-me solenemente a ditadura dos percentil, raios os partam e ao seu terrorismo. Um bebé no p10 em aleitamento exclusivo é muito mais saudável que um bebé no p90 com uma alimentação diferente. Eu tenho muito orgulho no p10 do meu homenzinho condicionado pela genética e talvez pela alimentação. Depois continua. Maminha time.

Duchess disse...

:)
Obrigada!
Fico à espera do resto.
Pois, o pediatra é neuropediatra. Devia dar-lhe ouvidos.
E fostes mesmo muito esclarecedora. Obrigada uma vez mais.

Muxy-Muxy disse...

Continuando a diversificação deve ser iniciada entre os 4 e os 6 meses. Nunca antes dos quatro nunca depois dos seis por causa, lá está, do risco de anemia ferripriva. Como se inicia introduzindo um alimento solido que pode ser uma papa de cereais ou uma sopa. Habitualmente escolho a sopa por causa Sá estimulação sensorial, gustativa e táctil. Sabores diferentes e texturas diferentes e pela introdução de um aporte generoso de ferro que só se consegue com com a carne. Começo com dois vegetais que se possam transformar num puré muito liquido: abóbora, cenoura ou batata e vou introduzindo um vegetal novo a cada três dias. Nesta fase (4-6 meses) uso cebola, alho francês, nabo, repolho, courgette, alface, lombarda. Aos 15 dias a fruta como sobremesa, pêra maçã ou banana, crua e passada. Mais duas semanas e acrescento a carne 30g/dia à sopa. Borrego, Peru ou frango. Se os pais quiserem ou precisarem 15 dias depois da sopa começam uma papa sem glúten.
Tudo isto é flexível. Os intervalos entre cada introdução devem ser sempre superiores a três dias mas depois a ordem com que se faz é variável e ajustáveis.
Depois dos seis meses tenho em atenção que Portugal é um país de experimentadores comilões. Por isso abro muito mais os cordões à bolsa. Mas isso fica para outra ocasião.

Duchess disse...

Mas diz-me uma coisa: E se for aos 6 meses, a velocidade da introdução dos alimentos é diferente, não é? Ou seja, pelo que percebi entre a sopa sem carne e a sopa com carne distam 30 dias (aos 15 introduzes a fruta e 15 dias depois a carne). Se for tudo aos 6 meses será de semana a semana? Mas mesmo assim só introduziria a carne aos 6 meses e 3 semanas. É isso?
Espero que não pareça uma obcecada!
:)

Beijinho e obrigada

carla e nuno disse...

Olá e muitos parabéns pelos (Já!!) 5 meses da princesinha!
Tenho andado meio desaparecida com a minha pequenita doentita ...
e já cá tinha deixado um comentário, mas se calhar não gravei :(

Beijinhos nossos

Duchess disse...

Obrigada querida Carla!
Está doentinha? Ohhh, isso é que é pior. Ainda é tão minimini:(

A minha também passado o mês de Janeiro doente. Espero que Fevereiro só nos traga coisas boas!

Beijo grande

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...