Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

segunda-feira, 28 de janeiro de 2013

O rescaldo, o prémio, um pouco mais de mim e testemunhos



Já tinha dito aqui que este concurso para blog do ano teve vários aspectos positivos. Aliás, sempre disse que, embora tenha tido aspectos negativos, os positivos superaram em muito tudo o que de menos bom foi acontecendo. Não falo na organização, nas contradições e nas falhas. Falo o que de bom trouxe para mim e para as minhas seguidoras.

Sou uma pessoa genuína. What you see is what you get. Como uma querida amiga me disse, és frontal. Sim, tento dizer as coisas com calma mas não deixo nada por dizer. Por vezes a mãe diz que sou frontal um niquinho a mais. Ahhh, mas não sou nada daquelas pessoas que diz o que quer e acha que as verdades têm de ser ditas, dê por onde der, magoe quem magoar. E por isso espero pelo momento certo, e por isso engulo alguns sapos mas no fim acabo quase sempre por dizer o que acho que devo dizer. E sim, por vezes também digo o que não quero. E já ganhei tanto e já perdi tanto por ser assim.

Os blogs entraram na minha vida em 2005. E acho que quem acompanhou aquele momento sempre soube que eu iria chegar aqui. Aliás, a menina que criou comigo o primeiro blog disse-me há uns dias atrás que sempre soube, quase desde o primeiro post, que este iria ser o meu destino e por isso tem tanto orgulho em mim.
Acho que é a vontade de falar para muita gente, de fazer pensar, de defender causas. A mãe que sempre me viu com espírito de líder e a defender com unhas e dentes aquilo em que acreditava chegou a pedir-me que fosse para direito, que eu era talhada para isso. Mas eu queria psicologia, queria mesmo psicologia. E as coisas completam-se: falar para as pessoas, entendê-las, fazê-las pensar. Sem evangelizar. Pelo menos tento. Com bom senso e equilíbrio. Pelo menos tento.

E este concurso fez-me chegar a mais pessoas e simultaneamente estreitou laços entre as que já cá estavam. Sim, quer gostem quer não há uma família 4D que se fortaleceu nestes dias. E sim, sou daquelas que odeia quando ouve dizer que as pessoas que não se conhecem pessoalmente não podem nunca ser amigas ou que quem precisa disto é porque tem uma vida muito solitária lá fora.

Uma seguidora 4D, a Sofia, enviou-me uma mensagem fazendo uma reflexão sobre o que tinha vivido por estes dias e eu acabei por pedir permissão, a ela e a outras seguidoras, para deixar aqui o seu testemunho.

A Sofia diz que fez uma verdadeira campanha política pelo 4D, como faria por uma grande amiga ou uma irmã. Que chegou a falar com as pessoas pessoalmente para votarem, quando achava que era a estratégia mais adequada. E ria-se, ria-se sempre quando lhe perguntavam o que ia ganhar com isso ou se a página seria dela. Diz que foi fantástico, absolutamente fantástico voltar a falar com pessoas que não via há anos. Reviu antigos alunos, do tempo de estágio ou de início de carreira, e viu homens e mulheres em vez de meninos. E emocionou-se por tudo o que tinham alcançado, o que tinham conseguido. Mas atenção, não pensem que a Sofia era dada a estas coisas a que ela própria chama de “novas sociabilidades do séc. XXI”. Nunca aceitava pessoas que não conhecia, embora há muito que se sentia triste por só adicionar conhecidos que nunca lhe diziam nada, nunca metiam conversa, é como se lá não estivessem. E de repente aceitou amizades de pessoas que não conhecia a cara mas com quem falava diariamente pelo 4D. Pessoas que passaram a ter uma cara, uma vida, com troca de mensagens e trocas de número de telemóvel. E a Sofia mais uma vez ria-se e dizia-me: “Sabes como é que está escrito o nome da Andreia no meu telemóvel? Andreia 4D! Sabes como é que eu estou no telemóvel dela? Sofia 4D!”. E eu rio também, enternecida.

“E é desta forma que um novo admirável mundo nos entra pela vida adentro e torna tudo um pouco melhor! Ajuda a ver as coisas em diferentes perspectivas e ensina tanto sobre crescer como mamã e não só ;) “


A Sara, enquanto psicóloga, fez uma análise certeira: os concursos podem mostrar o melhor e o pior de cada ser humano. Vê-se quem adora ajudar, quem é solidário, quem o faz por querer algo em troca, quem não o faz sequer, quem tem inveja e quem tenta prejudicar. Os que assumem de quem gostam e os que o escondem a todo o custo.


A Patrícia diz que o 4D é um blog que toca no coração de toda a gente, com posts que parecem ser escritos de propósito para o que as leitoras estão a passar naquele momento; que é raríssimo haver um que não gere uma grande discussão, uma troca de palavras, animada ou não, dependendo do tema.
Quanto a este concurso, acha que houve um enorme entusiasmo por parte de todos ou quase todos os que seguem o 4D. Brincou-se muito, reuniram-se esforços, também houve momentos mais difíceis, com situações menos claras, mas acima de tudo o que as pessoas queriam era estar comigo. E foi isso que uniu tanta gente por estes dias.

 “Este espaço, que foi tomado por nós, é agora um pouco de todas. O 4D é um barco, ou melhor, uma barca e a Sofia uma espécie de Noé dos tempos modernos”.




E não podia terminar sem o testemunho da menina que começou tudo isto, que fez o meu mundo ficar um bocadinho diferente nestas duas últimas semanas. Mais uma Sofia. A do Café, Canela & Chocolate.
Como adora desafios quis lançar-se neste mas não quis ir sozinha e resolveu arrastar-me com ela. E foi uma revolução, é o que sente. Tanta gente a alinhar, a lutar por uma coisa, a vibrar. Juntos. Tão fantástico.

 “E fiquei a admirar ainda mais a família 4D - e aqui incluo a Sofia (e a família dela) e todas as suas seguidoras, que mostraram que a união faz a força!”



Obrigada às pessoas individuais, obrigadas às marcas que me apoiaram (estão no meu coração), obrigada aos amigos, aos amigos dos amigos, a alguns bloggers, alguns a concurso e outros não. Obrigada também à mãe, à mana mais nova e ao marido:)

Parabéns a todos!








15 comentários:

sofia disse...

:)
Para muitas de nós o 4D ocupa o primeiríssimo lugar e o lugar do concurso é apenas isso e nada de mais!
beijinhos

CV LOVe disse...

Adorei o post!! =) Muitos parabéns 4D continua a ser genuína! =)

Anónimo disse...

Quem é que ficou em 1ºlugar?

Su Alves disse...

falto eu!!!! fui preguiçosa e não te enviei o meu testemunho!!! confesso!

mas já fui partilhando contigo no dia a dia aquilo que senti durante o concurso...

também a mim me perguntaram se eu não tinha mais nada a fazer do que andar em campanha... se bem que a pessoa que o fez tem anos de convivência e à vontade para o perguntar! a ele perdoei-lhe, tal como perdoo a todos os meus amigos no face a quem pedi diretamente pra votar e que nem feedback me deram!!! nem um likezinho! nada! o que será que vai na cabeça dessas pessoas sobre mim? tipo mas esta agora deu-lhe pra isto? algumas pessoas pelos visto até fizeram confusão e pensavam que o blogue era o meu! adiante! achas que me preocupo com isso? NÃO! obviamente ao fazer os pedidos que fiz, já sabia com quem podia contar. Surpresas? não tive nenhuma! aquelas de quem estava à espera de um ok, não me desiludiram e as outras mantiveram-se iguais ao que são no dia a dia! também pode haver quem tenha votado e não me tenha dito nada, o voto é secreto e como tal!!! ;)
Quanto a ti minha querida Sofia enfiaste-me mais uma vez olhos a dentro um reflexo de mim própria :"Como uma querida amiga me disse, és frontal. Sim, tento dizer as coisas com calma mas não deixo nada por dizer. Por vezes a mãe diz que sou frontal um niquinho a mais. Ahhh, mas não sou nada daquelas pessoas que diz o que quer e acha que as verdades têm de ser ditas, dê por onde der, magoe quem magoar. E por isso espero pelo momento certo, e por isso engulo alguns sapos mas no fim acabo quase sempre por dizer o que acho que devo dizer. E sim, por vezes também digo o que não quero. E já ganhei tanto e já perdi tanto por ser assim."
Pois é. Eu também sou assim. Às vezes acertas tantas vezes nos meus pensamentos que até eu fico a pensar como é possivel!!!
Só alguém com grande espirito conseguiria aguentar este concurso como tu o aguentaste. Aguentar é mesmo a melhor descrição, pressupõe esforço. Irra, que esforço nós fizemos todas para não descer o nível e mandar algumas pessoas à fava e à prima da fava. Então tu!!!!!!!!! Deve ter sido surreal!

Por isso, por mim, podes fazer um post só com um grito, bem alto e forte! Só para desanuviar e repôr energias!!!
Tal como disse a Patricia, continuamos na barca!

Mãe disse...

Já te disse no fb e reitero aqui: Parabéns pelo 2º Lugar oficial, mas para mim és a vencedora. Os factos estranhos, os mais estranhos ainda e os altamente suspeitos que lá referi são agora confirmados pela análise estatística elaborada pela organização do concurso.
Tenho de referir uma vez mais a HONESTIDADE, na INTEGRIDADE e na GRANDEZA com que TU percorreste este caminho, independentemente desses mesmos factos. Os mesmos atributos com que conduzes a tua vida. Os mesmos atributos que me fazem sentir tanto orgulho de te ter como Amiga há tantos anos e de acompanhar este blogue desde aquela primeira noite. Continua assim sempre. Eu continuarei aqui sempre. Beijo grande

Anónimo disse...

Foi com muita pena que vi que não atingiste este objectivo. Da minha parte fiz o que consegui, pedi reforços e sei que fui ouvida.
De qualquer das formas,para mim, mais do que a notoriedade vale o mérito e a dedicação. Foram os blogues que nos aproximaram, fico feliz por isso e espero continuar a acompanhar-te/vos. Um beijinho

Carla

bebexik disse...

PARABENS !!!!!!!!!

Foi exaustivo/cansativo este concurso !!!!!!!mas muitos Parabens !!!!!!!

Por tudo .....

Especialmente este post que mais uma vez mostra bem quem é a Sofia do 4D
uma pessoa admiravel, corajosa, mãe e de 4 ( n esquecer )e um vencedora !!!!!
E escreve como ninguem ....adoro ler os seus post's pois tem conteudo n sei se me faço entender mas é assim que os sinto e os adoro ler.....

Keep going Sofia......

bjns
Raquel

Sofia Serrano disse...

AHHHH!!!
Falto eu aqui!!!
Pois a culpa disto tudo é minha, eu admito :)
Mas este desafio era feito para a querida Sofia e o 4D - e claro que este blog é um justo vencedor, como o são as fantásticas videtes (adoro este nome!!!).
Adorei o que escreveste aqui, como adoro tudo o que escreves e partilhas conosco. E a maior vitória deste concurso é o 4D ser uma família que se uniu, reforçou e renovou!
Vamos lá ao próximo concurso ;)

TERRA DE CORES disse...

Para mim tb já ganhaste!
Eu andei em campanha como se o blog tb fosse um bocadinho meu! :) Só tenho acesso ao FB à noite e tb tive pessoas que pensavam q o blog era meu! :)

E no meu tlm és a Sofia Duchess :) :)

Tu mereces mto este "1º lugar"!
Bjinhos grandes e um abraço apertado...

Anónimo disse...

Digamos que merecia o 3º ou o 4º lugar, mas enfim como diz ali a mãe "Os factos estranhos, os mais estranhos ainda e os altamente suspeitos que lá referi são agora confirmados pela análise estatística elaborada pela organização do concurso." lá passou os outros 2 blogs que têm bastante mais qualidade, mas um bando bem menor de galinhas com o cio.

4D disse...

Cara anónima, pelo menos nenhuma das minhas seguidoras vai deixar nenhum comentário anónimo num dos outros blogs.

E, parece-me, as galinhas não têm cio. De facto, as galinhas não sofrem alterações comportamentais nem têm manifestações externas de seu aparelho reprodutor, características próprias do cio. Nem mesmo as galinhas encontradas na natureza, que têm uma época certa para acasalar, apresentam essas alterações típicas. O termo cio, conhecido popularmente como o período em que as fêmeas estão prontas para se reproduzir, não é usado pelos cientistas para aves.

Espero tê-la ajudado. Tenha um bom dia.

Su Alves disse...

Olá!!!
Bem, na qualidade de galinha com cio, tal como fui apelidada num comentário anónimo, a um post deste blogue, partilho aqui uma crónica que li há uns dias e que muito diz sobre o anonimato e coisas que tal. É um pouco extenso. Não sei se o anónimo a quem me refiro se vai dar ao trabalho de o ler, mesmo assim partilho. De qualquer forma quero só dizer que comentar sob anonimato até o que menos me afeta nisto, até podia aparecer com foto do B.I. em anexo,que para mim era igual. Para essa pessoa e muitas que pensam como ela, só desejo em dobro o que me deseja a mim... por isso espero que ser galinha com cio, seja muito booooom! (Por norma não costumo rogar pragas nem desejar mal a ninguém, como tal também não lhe desejo a si!) O sucesso dos outros incomoda tanto. Até a mim, que às vezes dou por mim a sentir inveja, não do dinheiro do CR7, mas sim das suas capacidades e pernas! Haja felicidade no mundo para todos.
http://www.dn.pt/revistas/nm/interior.aspx?content_id=3001323

Sofia CarpeDiem disse...

Parabéns, Sofia!

Para mim és a nº1 e ponto final parágrafo!
Adorei o post <3 É bastante revelador do que és como pessoa e como blogger e do que somos enquanto tuas seguidoras!

E para os invejosos que aqui vêm...um beijo enorme do tamanho do universo, tudo em dobro para voces! ahahahahah Só nos fazem sentir ainda mais especiais. Quer dizer, comprova que há quem segue o 4D só para nos "ver" :)

Sofia, continua igual a ti própria que nós também, o que vem de baixo não nos atinge, de todo!!! Tal como já disse na páina do Fb... VIVA a FAMILIA 4D!!! <3

Beijoooooooooooooooooo Sofi&BabyB

Sofia Serrano disse...

A animação que vai para aqui!
Adoro anónimos!!!
Têm a capacidade de unir mais ainda as pessoas em defesa do que realmente importa :)
E só mostra que neste blog não há censura, como noutros por aí:))
Bjinhos, querido anónimo!

Mãe disse...

Sempre achei deplorável a cobardia de comentar o que quer que seja anonimamente. Hoje acredito que os anónimos conferem um certo estatuto aos blogues. Blogue invejado é blogue comentado por anónimo está visto. Parabéns 4D portanto.

PS: Não obstante o que acabei de dizer não me parece que este anónimo, que para bom entendedor se limita a reivindicar o segundo lugar em detrimento do terceiro ou quarto desta categoria, seja portanto muito anónimo.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...