Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

segunda-feira, 2 de setembro de 2013

2 de Setembro - um dia muito, muito especial




Esta é uma semana muito especial. Este é um dia muito especial.

Faço hoje anos de casada. Quase 3 mãos cheias de anos.

Altos e baixos, dúvidas e certezas, tudo faz parte de um caminho já tão longo quanto o nosso.
Os 4 filhos em conjunto são a nossa maior força, o nosso pilar.
Que os próximos 13 anos sejam ainda 13 vezes melhores do que os 13 que já passaram.

Amo-te rapaz.



E hoje faz um ano em que os meus dois pequeninos foram baptizados. Vejam tudo aqui.

No post mostro alguns presentes que considero sugestões lindas para oferecer nesta celebração tão especial. Sugiro ainda um cordão-pulseira de prata. A Concha recebeu agora uma dos avós e amei.

Deixo ainda a sugestão de um terço de prata - aliás, quem deu esta sugestão foi a mãe:)




E para quem é menos tradicional, acho as bonecas da Cores de Papel um presente excelente. É uma boneca com ares de antigamente, que me fascina. Tenho uma bailarina oferecida pela Sandra, da Loja Nicho, e simplesmente adoro. Acho um presente lindo, lindo, lindo.





Deixo-vos também a carta que li naquele dia tão especial, que escrevi para o marido.

E também a carta que o Afonso escreveu e leu na igreja de Nossa Senhora do Carmo, um ano atrás.








O Nosso AMOR



O nosso Amor é feito de algodão doce, comido nas feiras, de mãos dadas, nos entardeceres de Agosto.

O nosso Amor é feito de bocadinhos de sal, de areia e de mar. De tristezas e alegrias partilhadas, de regatos de água gelada, de fotografias a preto e branco. Para mais tarde recordar.

De poemas acabados de escrever, de estrelas cadentes em desejos mal escondidos. De sonhos desvendados, como dois melhores amigos, que se encontram por acaso e brincam de namorados.

Sempre te amei - apetece-me dizer-te.

Mas o Amor não necessita de palavras. Apenas de cor, de sons e cheiros. E de gestos. Sim... de muitos gestos.

O nosso Amor às vezes é vermelho. Vermelho-sol posto, vermelho-cereja, vermelho-romã.
Outras é azul-céu. Cinzento-pomba, verde-desejo.

Umas vezes é claro como os dias de Verão. Em raios de sol que passam majestosamente pelas frestas das janelas.

Outras vezes é mais escuro, como os dias de Inverno, que chovem e choram, que se entristecem e se enternecem com os males do mundo e com os nossos próprios males.

O nosso Amor é feito de todas as cores que conheço. Até de pedacinhos de marron, sarapintados de castanho.

É assim o nosso AMOR...



Sofia










Irmãos




Os pequenos gestos constroem uma relação. Um obrigado, um abraço, um "eu ajudo-te", um sorriso, uma partilha, muita amizade.

As relações também têm momentos complicados, caras tristes e algumas palavras mais amargas. Mas saber gerir esses momentos faz de uma relação de irmãos, uma relação de verdade. Uma relação para a vida. 

Somos quatro irmãos e eu desejo, como manos mais velho, que sejamos sempre unidos e que estejamos sempre cá uns para os outros, nos bons e nos maus momentos. Com a ajuda do Senhor.


Afonso






2 comentários:

MARTA COSTA disse...

Maravilhosa a foto... Um postal !
Lembrança que o tempo não apaga...
Muito bonita a Sofia com porte de princesa...
Assim até acredito em contos de fadas.
Beijinho e muitos parabéns.

Diana Mora Moraes disse...

Parabéns! (um pouco para o atrasado!) é muito importante lembrar-mos estas datas fantásticas!! :) um beijinho e que venham mais, muitos mais! :)

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...