Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

domingo, 9 de novembro de 2014

4D&Friends 5ª edição - faz hoje uma semana. Post final e apresentação da Edição Especial Natal










Faz hoje uma semana que teve lugar a 5ª edição do 4D&Friends.
Quatro edições em Coimbra e uma em Évora. Um já longo caminho percorrido.


Desde 2011, quando no dia 30 de Outubro fui ao Fall Friends (infelizmente não consegui estar presente na edição anterior, na Primavera), que delineei que o meu caminho passaria por criar nas minhas cidades (a que me viu nascer e esta onde vivo) um evento semelhante.

Antes de alguns bloggers começarem a organizar feirinhas, já um grupo de amigas se tinha reunido para dar a conhecer aos clientes e aos potenciais clientes as suas marcas, presentes num só espaço e, muito importante, num espaço físico, dado que muitas eram lojas virtuais.


Afinal quem são as pioneiras? Sinceramente não sei. Tenho pensado muito nisto, mas, como disse, não sei. Também nem sei se este grupo de amigas foi o primeiro.


Se me permitem um paralelismo, esta foi a reflexão que fui fazendo e que agora vos apresento. A ciência evolui por pequenos passos. O conhecimento científico evolui quando alguém pega num trabalho anterior e lhe acrescenta algo de novo, o aprofunda, faz a diferença, faz avançar o mundo. Aqui é a mesma coisa. O Fall Friends surgiu muito antes de eventos criados por bloggers e foi ele a minha inspiração e até o nome é uma homenagem àquele que me inspirou. Mas depois vieram outros. Veio uma blogger, a blogger Fernanda Ferreira Velez, que adaptou este conceito à sua filosofia e modo de vida, aprimorou-o, tornou-o mais seu, talvez mesmo mais sofisticado, com actividades para crianças e um cariz solidário. Portanto, fez o conceito evoluir, fez este mundo avançar.

O 4D&Friends começou a ser pensado em 2012 e foi interiormente assumido nesse mesmo ano. No início de 2103 foi anunciado e ocorreu em Maio de 2013, mais precisamente no dia 4 de Maio de 2013.
O que trouxe de diferente foi sobretudo o conceito de descentralização, foi ter ousado mostrar a todos que Portugal não é apenas Lisboa e Porto, foi ter ousado trazer para cidades mais pequenas o que só ainda havia nas maiores. Para além disso, quis aumentar as actividades para crianças, procurando desde o primeiro minuto criar uma feirinha para toda a família, com a filosofia de “um dia muito bem passado”. Apostou muitíssimo no cariz pró-social, tendo apoiado até à data 10 instituições/associações ou causas. Procurou ainda criar sempre dinâmicas diferentes, tendo desde a banquinha solidária, às peças em parceria, aos gifts dados por marcas que não podiam estar presentes… A ideia era manter acesa a chama da criatividade, da novidade, procurando sempre fazer a diferença.

Tanto em Coimbra como em Évora fomos pioneiros e isso é sem dúvida um motivo de orgulho muito grande e temos a perfeita consciência que fizemos parte da “casta” que se chegou à frente, que fez a diferença, que fez o mundo avançar.

Entretanto estes eventos proliferaram em 2014, mas não criaram nada de novo, apenas se limitaram a copiar a fórmula que julgaram ser de sucesso. Isto não tem muito de meritório, convenhamos.

Felizmente posso falar sobre isto porque o evento de dia 2 de Novembro foi um enorme sucesso. Se não tivesse sido, provavelmente não me sentiria à vontade para expressar a minha opinião. Saberia que se levantariam algumas vozes a dizer que era ressabiamento. Assim também o podem dizer, mas já não faz qualquer sentido. São apenas reflexões e constatações que precisam de ser feitas.

Até aceito que há eventos que nasceram depois, que seguiram a fórmula e que superaram os originais no número de marcas, na beleza do local e nas chamadas marcas de top que apresentaram. Há e sempre houve discípulos que superaram os mestres. Preferia que o fizessem porque tiveram ideias próprias, mas isso sou eu a achar.

Também me custa constatar que ter uma data anunciada há mais tempo não significa neste momento absolutamente nada. Não há ética, nem princípios neste mundo. Isso dói e cansa. Já por algumas vezes alterei datas. Uma, quando me pediram para o fazer, porque já havia outro evento naquela data noutra cidade (curiosamente que não chegou depois a realizar-se nessa tal data) e outra quando anunciei primeiro o meu evento e passado umas horas outra blogger anunciou outro para o mesmo dia e para a mesma cidade.

Outra coisa que me deixa perplexa é saber que houve bloggers, organizadores de outros eventos,que foram ao 4D&Friends para fazer contactos, para ver a dinâmica e a forma como tudo estava organizado. Claro que, em parte, isso me deixa muito orgulhosa. Significa que sabem que o evento tem prestígio, mas a minha mensagem é apenas uma – façam-no, mas façam-no às claras! Sabê-lo pelas marcas é desagradável . Porque não apresentarem-se e explicarem o propósito da visita? Seria tão mais profissional e revelaria carácter. E eu seria a primeira a louvar esse gesto e essa atitude.

Em 2013, Coimbra apresentou duas edições do 4D&Friends. O primeiro evento do género nesta cidade e o único durante todo o ano. Em 2014 serão 6 os eventos que até ao fim do ano vão aqui ter lugar. E algo me diz que 2015 ainda vai ser pior! O 4D&Friends abriu novos trilhos, desbravou terreno, tirou pedras do caminho e foi preciso muito suor e lágrimas para com elas construir um castelo. Dizia-se que as pessoas de Coimbra não iriam a um evento nesta cidade, preferindo fazer compras em Lisboa ou no Porto, ou ainda que ninguém iria para fora de Coimbra (10km) para ir a um evento deste tipo – e aqui até algumas marcas optaram por não vir por esse motivo. Mas, a verdade é que esta feirinha da família já faz parte do roteiro, já fica marcada na agenda e passou a ser muito bem aceite, crescendo o número de visitantes de edição para edição.

Toda a conjectura anteriormente referida tem-me levado a pensar se não está na altura de começar a pensar na reforma.

2015 vai ser o ano das grandes decisões. É que será o ano da comemoração dos meus 10 anos de blogosfera e dos 2 anos enquanto organizadora e mentora do 4D&Friends. Será tempo de parar e fazer outra coisa ou é tempo de voar mais alto? Seja como for, estou muito feliz pelo caminho percorrido. Uma psicóloga e professora universitária que ousou começar um blog em 2005, numa altura em que isso ainda não era visto com muito bons olhos, nem apareciam nas telenovelas personagens que também eram bloggers. Em 2013, o 4D ficou em 2º lugar na categoria pais e filhos, no concurso nacional de blogs, na mesma altura em que estávamos a anunciar o 1º 4D&Friends. Leve-me a vida para onde levar, já tenho muitas estórias para contar aos meus filhos e netos.


Como escreveu Gabriel Garcia Marquez, “o que uma pessoa viveu ninguém rouba”.










É tão giro ouvir os meus filhos, até a mais pequenina, chamarem ao 4D&Friends a “festa da mãe”. E é mesmo assim que sinto esse dia. Um dia de festa. Não só “a festa da mãe”, mas a festa de todos. A festa da família, de todas as famílias que se juntaram a nós nesse dia.


Como já expliquei várias vezes, o 4D&Friends sou eu e as marcas que já fizeram parte pelo menos de uma edição; são as parcerias que vou construindo, que vou criando, o que torna cada evento único e especial, embora muito trabalhoso e por vezes também muito sofrido. Para mim, cada um é como se fosse o 1º, começando a estabelecer novos contactos mal a edição anterior termina.










Como sempre tenho de agradecer muitíssimo às marcas que quiseram estar presentes nesta 5ª edição. Muito obrigada




Muito obrigada à Quinta de S. Pedro que nos recebeu tão bem. Não foram só os donos do espaço, como se empenharam para que tudo saísse na perfeição, inclusivamente dando dicas e sugestões.


Foi através da Quinta de São Pedro que tive contacto com a Morais Eventos, que ficaram responsáveis pelo bar. Foram uma equipa excelente. Todos os meus pedidos foram aceites, não só em termos do que o bar deveria servir, mas também no decor daquele espaço. Que orgulho!

Muito obrigada à Mint Dreams e à Nocamil. Vermos as nossas ideias tomarem corpo, tomarem vida é algo inexplicável. Aceitaram, acrescentaram, juntaram o cunho 4D ao cunho pessoal e fez-se magia. Um decor com cheiro a Outono, em tons de Outono, romântico e chic.


Obrigada à Time4Family, que já faz parte da família. Não podia ter corrido melhor. A Dulce, a mentora do projecto, é uma excelente pessoa e uma excelente profissional. Pintaram, desenharam, levaram insufláveis, trataram da música ambiente com dj e tudo, divertiram a criançada e encantaram os pais. São sem dúvida uma recomendação 4D para todos os que pensam fazer festas de família, aniversários, baptizados…

Obrigada também à Simples Exigências por ter criado um mini salão de cabeleireiro, que fez as delícias de grandes e pequenos.








Muito obrigada à Ana Pastoria, pelas fotos lindas, pelo sentido de humor, por tudo.

Muito obrigada às mães da 2ª mão chic que, pelo que sei, adoraram embarcar nesta aventura.







Muito obrigada à APSI e ao Mercado dos Santos. O 4D&Friends pode ter apoiado estas duas entidades, mas o que ganhou em troca foi tanto!


Muito obrigada ao meu staff, ao marido, aos filhos, aos sogros e principalmente aos meus pais, que vieram viver esta aventura comigo – tendo sempre vindo de longe para apoiar todas as edições.


Um abraço bem apertado a todos os que nos visitaram no dia 2 de Novembro, que fizeram com que o 4D&Friends fosse um verdadeiro sucesso. Sim, foram vocês que o tornaram no sucesso que foi.


E, por fim, é com muito agrado que anuncio o fecho de 2014 com um último evento em Évora, o Especial Natal. Voltamos à cidade que nos recebeu tão bem, à minha cidade.


Dia 6 de Dezembro, no Palácio Duques de Cadaval, um sítio top, mesmo ao lado do Templo de Diana, um dos sítios mais históricos e emblemáticos da capital do Alto Alentejo.


No 1º 4D&Friends Évora recebemos visitantes vindos de todas as partes do Alentejo, de Lisboa, de Setúbal, de Almada, do Algarve e até de Espanha.


Vamos tornar agora esta 6ª edição memorável? Conto convosco. Espero por vós!




Ilustração da Margarida Carreira,  da Bonito Serviço


Um beijo e um abraço apertado,


Sofia Arriaga




Styling: cabelo Marisa Imagem
maquilhagem por Rosa Simões com Mary Kay
Outfit: Blusa Sister Jane, saia da maravilhosa marca presente no evento, a Hippie Chic
fio e pulseira Guiota

Rapazes: Metro Kids, Benetton, Ralph Lauren e Gap
Concha: vestida por Minimimos



2 comentários:

Marta disse...

Parabéns mais uma vez! Palavras sábias....
Sabe que pensar dá muito trabalho, ter ideias, ser original... Não é para todos querida Sofia Arriaga, é muito mais fácil pegar no que já existe e com sucesso e chamar lhe seu!
Contudo pessoas assim nunca chegam " lá "
Falta-lhes o "Extra" a Sofia é "Extraordinária"

Marisa Luna disse...

Simplesmente adorei as fotos!!!
Um beijinho

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...