Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

segunda-feira, 12 de março de 2012

Pergunta da semana - semana 8

If you had ONE MINUTE to evacuate your home, what would you grab?

25 comentários:

Só sedas disse...

Quem estivesse lá dentro!

Patrícia Teodoro disse...

epá na carocha que era menina para se esconder num sítio bem refundido cá de casa. beijos nosssos

Maria disse...

As minhas filhas!!

Se falarmos em coisas já não é tão fácil, mas talvez o computador, afinal tenho lá guardado um bocadinho de tudo, especialmente as fotografias...

Alexa ML disse...

Ainda outro dia estava a pensar nisso! A primeira coisa era um peluche que o meu irmão me deu no dia em que eu fiz 12 anos e ele 22. Sim, eu já tenho 20 anos, mas aquela vaca é tão mas tão especial para mim que a sua salvação sobrepunha-se à de telemóveis, máquinas fotográficas, portáteis, etc.. (: De caminho agarrava num touro (também de peluche LOL) que ele me deu para "fazer companhia" à vaca, 8 anos depois, no dia em que eu fiz 20 e ele 30. (qualquer coisa que ele me dê entra directamente para as minhas necessidades básicas de sobrevivência =P )
Depois se calhar ia buscar esses 3 gadgets de que falei e que me permitem estar em contacto com o mundo. E se calhar o i-Pod de que gosto muito também! =P

Sim sou um bocadinho fútil, mas tenho em conta que não tenho filhos nem nada que se pareça, são estas as coisas materiais que realmente me fariam falta! A maioria sentimentalmente. Se eu perdesse a minha vaca Victória não sei o que faria! (:

Vá, agora quero ouvir relatos de gente que retire coisas verdadeiramente essenciais e interessantes!

Ana disse...

Já pensei nisso muitas vezes e, sem qualquer dúvida, não contando com a criança (óbvio), procuraria trazer o maior número possível de álbuns. As fotografias contam a nossa história, tenho um medo terrível de as perder!

Mary disse...

Tirando os meus filhos, claro, não trazia absolutamente nada.

Duchess disse...

Esta é sem dúvida das mais difíceis de responder. Reparem que não diz ali Who mas What, já para não dizerem os filhos. Mas claro que também diria os filhos. No meu caso só isso era um pesadelo...agarrar em 4 (sim, porque tenho ideia que numa coisa destas os mais velhos iam panicar e não me ajudavam nada!).

Agora coisas...sou muito agarrada ao que é meu. Iria sofrer horrores em ficar sem as minhas coisinhas. Provavelmente o disco externo. Só espero que não seja hoje porque esta pergunta fez-me decidir de uma vez por todas a passar tudo para o disco externo. obrigatório!

Sim, porque as fotos de toda uma vida não estão no portátil. Não me estou a ver a agarrar na caixa do computador. Teria mesmo de ser o disco externo.
E a Bimby que acabei de ganhar?? Ai Jesus!

Duchess disse...

Que giro Mary. Gosto tanto de ti e somos tão diferentes. Basta ver a tua resposta e a minha:):)

Maria João disse...

Hmmm, o computador (só mesmo pelas fotos e vídeos) a bimby e a actifry:))))

Sónia disse...

os meus filhos

Alexa ML disse...

Eu também sou muito agarrada às coisas (devia ser menos, eu sei..), mas é a tal coisa, tirando os pais e o mano, não há muito mais pessoas a quem me possa agarrar. Os amigos claro, mas esses não moram comigo e não precisam que os salve!
Eu falei no portátil, mas o disco externo é ainda mais importante. É lá que está TUDO! Obrigadinha pela lembrança..! =P
Ahh, e se por acaso estivesse em casa dos meus pais, ainda tinha de agarrar nos sete (!!) gatos que lá habitam. (os da rua que se desenm*rdem, eu gosto muito deles também, mas são mais auto-suficientes). Oh Duchess, quer-me parecer que agarrar em 4 miúdos é mais fácil do que apanhar 7 felinos em pânico e escondidos debaixo das camas! x)

Duchess disse...

Maria João: eu também gostaria de dizer que é só pelas fotos e vídeos...mas então e todo o meu trabalhinho?
Tenho lá as teses, tenho lá (ou aqui!) todas as aulas preparadas. era começar tudo de novo. Digamos que me iria complicar muito a vida. Muito mesmo!

Duchess disse...

Alexa: ahahahahaha. Mais uma vez deixaste-me a rir muito. Sim, pronto, venceste!

Mamã Petra disse...

Trazia mesmo só os meus filhos e o pai cá de casa, que as coisas, eu já comecei uma vez do zero sem nada, nadinha a não ser uma mala de roupa e safei-me, mas mais uma vez ia lamentar não ter fotos, por isso trazia o disco externo.

Beijinhos

TERRA DE CORES disse...

Tinha pensado no que escreveria antes de ler as vossas respostas... mas o engraçado é q percebi q não sou mm nada original...
Também já dei por mim a pensar nisso imensas vezes e seria sem dúvida o disco externo! :)
E se tivesse tempo seria o portátil!

Infelizmente já passei por uma situação de ter de abandonar uma casa q os meus pais têm rodeada de pinheiros, que ardiam a uma velocidade estonteante, há uns anos atrás, qdo parecida tb q Coimbra ia arder. No stress de fugir de casa, peguei nas malas dos 3 portáteis q existiam em casa... e só depois de umas 5 ou 6 horas, qdo pudemos voltar a casa é q me apercebi q tinha trazido as malas só com os carregadores ! lol
Os portáeis tinham ficado nas mesas de casa!
Só visto... numa situação de pânico, ficamos mm parvinhas!

Perder todas as fotos, trabalhos, momento que lá estão, tira-me um bocadinho o sono! Até já cheguei a gravar alguns DVD's com o + importante do disco.

(já deixei o meu testamento)... **

Kiki disse...

Os meus filhos! O meu telemóvel e o computador! :D

sofia disse...

Acho que no geral já foram dizendo tudo
Depois das pessoas é o disco externo, mas muito importante também é o cão de dormir da minha filha
Posso-lhe fazer todos os bonecos do mundo e com todos ela quer dormir, mas o cão é imprescindível!
e provavelmente pegaria na carteira, que afinal está sempre à porta
Agora espero - mesmo - que seja algo pelo qual nunca tenha, ou melhor, tenhamos, que passar

Lilian disse...

Nada. Não há nada (coisas...) que a gente tenha que nos faça realmente falta...
Agora a sério, há uns anos ardeu o sotão do ACM, aqui ao lado da minha casa. Eu vinha a chegar aos Arcos e a polícia e os bombeiros não deixavam ninguém passar. Eu ia morrendo de susto! Lá deixei o carro em cima de um passeio e voei até casa. Depois de ver que estava todos a salvo, mas ainda sem saber se tínhamos que ser evacuados pensei no que levaria comigo... Só mesmo os documentos.

Raquel disse...

Os filhos e a máquina fotográfica. :)

triss disse...

Fácil, minha miúda (e o meu cão. duas coisas ok?)

Princesa disse...

Os meus Pais, a minha filha, o meu marido e a Mofli...

Sílvia Fernandes disse...

As minhas filhas!

Mary disse...

:) verdade.
Claro que há coisas nesta casa que eu adoro e que ia ficar triste de perder, mas ao ler a pergunta pensei, pensei, pensei e não houve nada que eu dissesse "é aquilo!". Em 1 min não me iria lembrar de nada de certeza.

disse...

Começa por atirar os albuns de fotografias pela janela, porque não se partem! E depois trazia comigo o disco externo e a caixinha das coisas da M.

Maria João Clavel disse...

Sei lá....
A carteira e o computador. Mas depois fico a pensar no disco externo... o meu trabalho todo.... as minhas fotos... a minha câmara fotográfica... a minha bimby!

acho que não sabia, era mesmo o que viesse à mão esquerda, porque a direita estava agarrada à filhota sem a largar por um segundo.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...