Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

terça-feira, 5 de junho de 2012

Colares de âmbar

Numa das muitas conversas que tive com a Mónica, da De Fio a Pavio, perguntei-lhe se me podia fazer um colar de âmbar para a C.. Isto depois de ter procurado e procurado e só ter descoberto uma loja, ainda por cima franchising, com o monopólio dos colares (e hoje, por coincidência, descobri que a Ratinho Feliz também vende). Sem saber do que se tratava, a Mónica acedeu também a procurar, pesquisar e pôr mãos à obra. Mais uma vez!
O âmbar oferece uma solução natural para diminuir o desconforto das crianças na fase de dentição. De facto, o âmbar é um excelente analgésico natural, que em contacto com o corpo liberta óleos que acalmam os little people.

Pronto, sei que vai parecer preconceito, e aceito as críticas, mas a verdade é como só tinha rapazes e não achava assim tanta piada vê-los com os colares, embora já há muito que conhecesse os seus efeitos, nunca lhos comprei. Até porque eles ultrapassaram muito bem o rompimento dos dentinhos. Mas desta vez quis mesmo que ela usasse. Acho fofo e pronto. E agora baby C. já tem o seu. Chegou hoje! Mas continuo com algumas dúvidas, nomeadamente no tamanho correcto do dito cujo (34cm) e se deve dormir ou não com ele.

Entretanto recebo uma mensagem da Elsa, com as mesmas dúvidas.E como eu nunca usei, embora fosse fácil pesquisar na net e dar uma resposta pronta a esta queridíssima leitora do 4D, o que eu gostava mesmo era de saber a vossa opinião - a opinião das mamãs que me lêem e que usam nos filhotes ou já usaram.

Obrigada!





imagem retirada da net


imagem retirada da net

C. grande, da Cacomae



A minha C. pequenina

27 comentários:

Palmier Encoberto disse...

hummmm... coisas à volta do pescoço... acho sempre que são um bocadinho perigosas :s

Full-time Mom disse...

Eu jamais deixaria um bebé meu usar algo ao pescoço (colares, lenços, cachecóis...) e mesmo em crianças maiores tenho muitas reservas, pois acho perigoso. Paranóia ou não, mais vale prevenir que remediar. A C. ficou fofíssima, mas nem assim a minha opinião muda. ;) Beijinho

Ana Lemos disse...

Que gira ficou a Tua C com o colar...adoro, grande pinta!

Alexa ML disse...

Quanto aos efeitos do âmbar ou da forma como o colar deve ser usado eu não faço a mínima ideia (óbvio né? =P). Mas a C. nessa foto está qualquer coisa de muito fofo! =D

Sofia e Beatriz disse...

Vou aguardar as respostas, para também ficar informada. A B. nao usou, porque eu só comece a ouvir falar desses colares ha pouc tempo. Bjos!!!!

TERRA DE CORES disse...

Para mim é uma novidade... nunca tinha ouvido falar em tal forma de aliviar o nascimento do dentinhos.
Com os dentes do F foi tudo pacífico... :)

Embora até conheça um pouco da história do ambar (percurso académico), não conhecia esta faceta ou utilização :) mas gostei de ver a C c o colar... fica fofa!

Bjs

Ri+John disse...

Duchess,
A primeira vez que li sobre isto foi no livro do Dr. Mário Cordeiro. Ele dedica toda uma página a este tema e faz uma exposição que até me parece um bocadinho radical, para "assustar". Garante que quanto aos dentinhos não há qualquer evidência científica da relação e desaconselha por causa de ser muito perigoso e sufocações e engolir e outros que tais... Fiquei com os cabelos em pé e arrumei o assunto.
Mas que ela fica muito linda, lá isso fica! :)
E o meu boneco também devia ficar tão giro.... *suspiro*
Talvez lhe compre um colar à surfista e o ponho só quando estiver de olho...LOL

Mary QA disse...

Ui, tb não gosto nada de coisas ao pescoço - ainda se fosse uma pulseira, mas colar, no way...

Anónimo disse...

Olá!
Eu moro na Suíça e aqui é super comum os miúdos usarem colares de âmbar para os dentes, já vi muitos mesmo!
Ao principio não sabia o que era, porque os meus filhos já vieram para cá crescidos, mas explicou-me uma mãe uma vez no parque.
Não sei se resulta, porque nunca usei, mas acho que mal também não faz! Quanto ao tamanho, os que tenho visto são mais. Pequenos do que os da tua menina, tanto no comprimento (acho que não conseguem pegar e por na boca) e as contas são menores (como na primeira foto), creio que exactamente para não haver risco se calharem a engolir alguma.
Se quiseres posso tentar saber se se dorme com eles...
Beijos,
Cíntia
[aquiporcasa.blogspot.com]

Mum's the boss disse...

Nós recebemos o colar de âmbar aí com uns 7 meses, acho eu. De uma amiga espanhola e que usou nas duas filhas, à volta do pescoço. Eu disse que não ia conseguir usar aí e ela disse-me compreender. Sugeriu que colocasse ao lado da cama.
Se funcionou ou não, nao te sei dizer. O certo é que nunca houve salivar ou choros por causa dos dentes. E qd houve um choramingar eu dei homeopatia e aquilo passava logo...
Agora usamos o colar porque fica lindo lindo lindo!
E é bom divulgares estas coisas. Nos estados unidos, os miúdos dos artistas todos usam. comecem a reparar nas fotos.

>Bjitos!

Lilian disse...

Coisas no pescoço para mim também não... Usa só quando estiveres a olhar para ela. Mas já tinha ouvido falar destas propriedades do âmbar, quando a minha irmã esteve a morar na Grécia, pelos visto lá é muito utilizado.
A minha amiga pequenina está a ficar com caracóis... que máximo!!

Catarina Galvão disse...

ADORO! Para além de ficarem uns amores, temos de acreditar que os ajuda nesta fase mais difícil que é o nascer dos dentes, a minha C usou durante muito tempo, já tinha os dentes todos de fora e continuava a usar e a F pequenina anda agora com o colar que a madrinha lhe deu, mas não há meio dos dentes querem nascer e já vai fazer 1 ano dia 17...

sofia disse...

Desconhecia o efeito do ambar
Agora quanto a colares e os pequeninos, a minha filhota teve o seu 1º colar com quase 2 anos, acho e aí já o usava como ela bem entendia e nunca foi de o meter à boca
Só nunca deixei foi que dormisse com ele
Pelo tamanho do da pequenina C, que fica linda, acho que tens de ver se não há risco de partir o fio e assim já ficas descansada

Leonor MB disse...

Ola. Pode ser coincidencia mas a minha filha tinha imensas dores de dentes, passava a noite toda a gemer, tinha febre, diarreia! Era uma chatice. E desde que começou a usar o colar de ambar, nunca mais refilou e ja lhe romperam mais uns dentes! E a minha mae conta que punha uma pedra de ambar dentro do nosso berço quando eramos pequenos! Por isso eu acredito no poder do ambar =) Mas relamente concordo que o da sua filha é um bocadinho grande o da minha as pedras sao mais pequenas e so começou a usar com um ano e pouco! E nem lhe chega à boca...Tente desfazer e tirar algumas pedrinhas!!

Sofia K. disse...

Eu uso na mais velha desde o ano e picos e na mais nova em pequenina e depois tirei... porque andava com umas alergias. Agora voltei a pôr e ficam lindas... :-)

Faça ou não efeito adoro vê-los com eles, mas não devem chegar à boca e devem estar dentro da roupa para dormir.

Na praia ficam umas brasas... quer sejam rapazes ou raparigas!

Duchess disse...

Muito obrigada por partilharem a vossa opinião. Foi muito útil!

Beijinhos:)

Baby Me disse...

Olá,

Sempre adorei estes colares e usei na baby L. desde os 4meses e no baby P. desde os 6meses... Acho que ficam o máximo :)
Quanto ao efeito é relativo a L. nunca teve problemas com o romper dos dentes já o P. sofre mesmo.
Comprei os dois na stone by stone e, não meto a mão no fogo, mas acho quase impossível romper-se, a L.- vai fazer 4 anos e continua impecável. Como lhes pus eram muito pequeninos nunca tentaram tirar, nem puxar, mas uso mais pequenos do que a tua C.. Sempre ouvi dizer que o objetivo é o ambar estar em contacto direto com a pele para os acalmar ;)
Ah e os meus sempre dormiram os dois com os colares.
Bjs e parabéns pela C. é muito gira

Marta disse...

Adoro os colares as confesso q tb tenho um certo medo de usar em bébés... É engraçado pq tenho uma fotografia do meu avô em bebé com um colar de ambar na praia... Há 74 anos!

Ratinho Feliz.Botinha Azul disse...

Olá
Não podia deixar de pôr aqui o que penso depois de uma pesquisa muito séria; realmente a segurança dos nossos bebés é algo fundamental por isso as peças vão acompanhadas de instruções de utilização e manutenção:
* Os colares têm cerca de 32cm de comprimento, o que não permite que o bebé lhe chegue com facilidade.
* São enfiados em fio de pérola e por isso muito difíceis de partir.
* O bebé JAMAIS deve ser deixado sózinho enquanto usa o colar.
* Usar o colar como pendente na chucha tb não é boa solução: trata-se de uma resina, da seiva de uma árvore fossilizada e portanto é quebrável com facilidade pelos dentinhos dos nossos meninos e assim sim é muito perigoso.
Espero que resulte e que ajude a melhorar o desconforto ods vossos bebés...
um abraço
Ratinho Feliz

Duchess disse...

Obrigada!
para já está resolvido: ela vai usar aos pouquinhos, quando estiver sempre comigo.

Um abraço grande!

Aline Brito Paiva disse...

já venho tarde, bem sei.
mas não podia deixar de escrever.
o meu filho utilizou não porque fosse giro ou desse pinta, porque de facto, como bem diz, nelEs o colar fica esquisito..
a questão é que o rapaz não teve dentes até aos 13 meses e quando romperam, romperam muitos, muitos ao mesmo tempo.
Foi um sofrimento para todos. Noites muito más, gritos, dor visivel.
Enviei na altura um email ao Dr. Luís Pinheiro, pediatra também muito conhecido na praça.
Respondeu-me simplesmente que mal não faziam e também não sabia se faziam bem, mas que muitas mães relatavam que ajudavam.
Comprei na stone by stone, não tão comprido como o da sua C. pequenina, nem com contas tão grandes.
Achei que o meu filho vasco não o ia aceitar ao pescoço, pq é um esquisitinho.
E surpresa das surpresas, nunca o estranhou.
E ajudou, ajudou mesmo.
Até o meu marido que achava isto transformava o miudo num mariquinhas, Às tantas já elogiava o colar.
Olhe é como as bruxas.. não as vemos, mas que as há, há..!

Duchess disse...

Aline: obrigadíssima pelo seu comentário. Adorei!
O bom de ter moderação de comentários é isto. Não me serve para apagar o que não gosto. serve-me para poder essencialmente saber que me chegaram comentários a posts já mais antigos:)

Para a C. tenho de comprar um mais pequeno, não há dúvidas. Mas acabei por pôr no Vicente e ficou muito giro:) E eu sempre a pensar que não! Já não lhe serve para os dentes mas dá-lhe um ar de surfista engraçado!

Beijinhos

Aline Brito Paiva disse...

Isso é verdade ;)
nos mais crescidos dá-lhes pinta :)
eu tenho o meu colar de ambar bem guardadinho e será para o próximo, pq de facto, comigo, placebo ou não, funcionou.
Isso e chamodent - medicamente homeopatico para os dentes.
Umas bolinhas que lhe dava para chupar.
Francamente?
O colar fez melhor, mas em tempo de guerra...

Duchess disse...

ora nem mais!!:):)

Toupeirinha disse...

Ola. Eu comprei o meu ma stone by stone e é mais pequeno que o da foto. As contas sai redondinhas. Mas nao sei porque houve um dia que me deu uma ansiedade e tirei-lhe o colar, agora tem dentes a nascer, vou voltar a por para ver se alivia.
Houve uma mae que me perguntou no facebook a medida do meu colar, vina mensagem mto tempo depois, lamento.
Eatou a adorar o blog.

Anónimo disse...

Quem procura colar de ambar, ou de dentição, com um ótimo preço, poderá adquirir lo na Cristina Siopa em Lisboa (www.cristinasiopa.pt)ou recebê-lo em casa. Três modelos a escolha. Preço unitário 13,50Euro com + 1,85 para custo de envio em todo o território nacional. Um bem haja!

Carina Cadima disse...

Também podem encontrar os colarzinhos em www.facebook.com/colardeambar
São originais 100% da zona do Báltico - importante pois só este âmbar tem as propriedades terapêuticas que se promovem nos colares.
O tamanho correto é os 33cm para não se tornar perigoso... que tenha 34cm não creio que tivesse sido um problema de maior... reparei que já é de 2012 este post.
Até «já»!
Parabéns pelo blog!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...