Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

domingo, 15 de julho de 2012

Do baptizado



No início de Setembro baptizo os dois mais novos. No dia em que fazemos 12 anos de casados.
Já começa a ser tradição. Também baptizei os dois mais velhos juntos e no dia em que fiz 29 anos de vida. Demorei algum tempo a decidir-me baptizar o A., porque era o primeiro e enquanto mãe de primeira viagem tinha muitas e muitas dúvidas (ainda as tenho, confesso). Umas das quais era se devia impôr crenças religiosas, se deveria fazer escolhas de fé por eles ou não. E houve um dia em que literalmente sonhei que era isso que devia fazer...e decidi-me.E como já tinha o M., com 3 meses, resolvemos fazer celebração conjunta.

Poder dar-lhes padrinhos foi muito bom. E as duas manas foram as madrinhas. E o mais estranho, ou talvez não, é que a mana mais nova vai voltar a ser madrinha de um deles. Se eu por acaso falecesse, só havia duas mulheres a quem eu deixaria os meus filhos, completamente em paz (ou o mais perto disso porque é o meu maior medo, confesso, é não estar cá para os ver crescer. Ainda não percebi se é egoísmo ou não mas é um medo enorme que tenho. Bom o maior não, que o maior é mesmo que lhes aconteça alguma coisa) e essas mulheres são a mãe e a mana I.

Bom, mas falando de coisas festivas, já está quase tudo (mas o quase ainda é muito discutível).

Túnicas dos 3 rapazes: Gocco
Calções do V.: Mim
Calções dos mais velhos – Ratinho Feliz, feitos à medida
Vestido dela: a ser feito pela madrinha (nem seu sei muito bem como vai ficar. Mas confio a 100% no seu gosto).
Sapatos dos mais velhos: mocassins/vela, em Espanha
Sapatos do V.: mocassins/vela Pé ante Pé (Xsxl)
Sapatinhos dela: Chicco mas customizado também pela madrinha.

Velas: Mim
Toalhas: a bordar, mas também ainda não as vi.

Lembrança do baptizado dos dois queridos : Bybaga mas completamente personalizado. Estou a adorar!
Livros de honra: Our Sins (também personalizados e lindos, lindos, lindos).

Igreja marcada, padre convidado (vem de fora, de propósito celebrar esta cerimónia, já que também realizou o nosso casamento e o baptizado dos mais velhos).

Big decision: levar ou não fotógrafo(a) maravilhoso? Adoro alguns e quanto a mim já estava mais do que marcado mas ao mesmo tempo os preços são muito elevados para alturas de crise. Portanto, optar ou não optar por reportagem homemade? O pior é que os melhores a tirarem fotografias vão estar todos em posições delicadas nesse dia:)

E o que falta? Estou a esquecer-me de alguma coisa?
De mim, de mim!


Para já mostro-vos alguns detalhes, ainda poucos, mas é o que se pode mostrar.

Basicamente é assim que o Vicente vai...mas calçado!

A vela dele (MIM - Castil)
A vela dela (MIM - Castil)


A minha pulseira personalizada - De Fio a Pavio
e mais umas quantas feitas pela minha querida amiga Sandra Gonçalves (ainda não tirei fotos)


Já conhecem a Bybaga? Vale a pena.



A ideia é essa mas personalizada, depois de quinhentos e um telefonemas e e-mails trocados com a querida M.


E a Our Sins?
Conheci-a há uns meses quando fiz o primeiro post sobre pompons e fiquei rendida. Fotos lindas, peças de sonho. Uma delícia!

Mostro-vos uma agenda porque livros de honra não há, já que serão os nossos os primeiros livros de honra que a Our Sins vai fazer! yeeyyyy

16 comentários:

sophia disse...

Coisinhas lindas, sem dúvidas. Temos gostos semelhantes, estou a ver. :)
Mas fiquei colada num pormenor: o batizado dos 2 filhos aos 29 anos. E eu quase quase nessa idade e nem marido, quanto mais filhos. E mesmo que tivesse marido, o emprego precário não permitiria aventuras... Isto anda tramado

Ana Lemos disse...

ohhhhhhhh adoro baptizados e todos esses pormenores, eles vao todos os máximo:)) desejosa de ver a C. Mistériooooo:)

beijinho grande

Duchess disse...

sophia: eu é que comecei muito cedo! A mana mais nova tem 28, a caminho dos 29 e também ainda não tem filhos. Há tempo, muito tempo pela frente. Don't you worry!

Ana: Mesmo que sejam fotos homemade, a ver se depois mostro:)

Beijinhos!

Sarokas disse...

Que detalhes tão lindos!!
Quanto ao fotografo, por experiência própria, aconselho de fora.. porque assim não tens de estar preocupada se tens ou não aquele momento retratado...
Se precisares de um orçamento apita
miudaelectrica@gmail.com

bebexik disse...

Que giro os dois no mesmo dia e numa data com significado especial...vai ser decerteza um Baptizado de sonho !!!!
Adoro os preparativos esta fase é tão gira....
E a Mãe como é que vai....???? GIRA GIRA !!!!!

bjns
Raquel

Duchess disse...

Sarokas: Ok!

Raquel: A mãe vai do mais simples possível. Juro!

:):)

Beijinhos grandes

Kiki - Família de 3 e 1/2 disse...

Ai que bom!!! Adoro tudo!! :))
Eles vão mesmo queridos!

(E tb partilho do teu medo... :(( )

Beijosssss

Bi disse...

Coisas amorooosas!! Vou baptizar a minha C. no final deste mês e as fotos vão ser homemade! Sorte em ter amigos que têm jeito pra coisa! ;) Adoro os preparativos! Há coisas lindas, difícil é escolher e contermo-nos um bocadinho!! ;))
Um beijinho*

Mary QA disse...

A minha mais nova teve direito a fotógrafo no batizado pq o senhor me ligou no dia a perguntar -as sras da paróquia dão o numero- ficaram óptimas, toda a gente adorou. Uma pessoatem tanto trabalho e no fim o q fica são as fotos. Mas eu regateei o preço,até pq foi sem compromisso. Mas eu nunca me lembraria de chamar um fotógrafo.

Magui disse...

Em relação a fotografo de casa não aconselho, eu casei de uma forma muito informal e não contratei fotografo, arrependo-me tanto... Acreditas que só tenho 2 fotos com o meu marido e estão desfocadas? A festa correu tão bem e tão animada que às tantas as pessoas destacadas para fazer a reportagem largaram as máquinas :D! Voltaria a casar assim da mesma maneira, tudo simples e informal mas nunca mais volto a não convidar fotografo!
Quanto a baptizar eu também tenho essa duvida, não casei pela igreja e não tencionava baptizar, mas agora as pressões são muitas e eu começo a achar que é mais fácil ser-se igual a todos do que andar ao contrário da maré... Além do mais tenho um problema, é que tenho várias madrinhas possíveis (se for só uma estaria difícil), mas só tenho um homem disponível que daria um óptimo padrinho, mas que já tem uma carrada de afilhados e isso também não me parece bem...
Ando nesta indecisão... Quando ele fizer 18 anos já devo ter chegado a alguma conclusão :D!
Beijinhos e adorei os details, principalmente as velas!

Sofia disse...

Olá Duchess!
Fico muito feliz ela decisão de baptizar as crianças todas! Que vão lindos, tenho a certeza!
Muitos beijinhos!

Alexa ML disse...

Eu a partir do momento em que comecei a pensar mais por mim, sinceramente deixei de ligar à igreja e à religião. Mas questões à parte, respeito e sou madrinha de uma mini-terrorista. Os meus pais escolheram um casal amigo para meus padrinhos, e a minha madrinha repetiu a dose quando tive de escolher alguém para o crisma (: Apesar de, lá no fundo a cerimónia não me dizer nada. Era mesmo só um "reforçar de laços" e o "'Tou despachada, agora se me der na cabeça casar à igreja ninguém me impede". Mas a minha madrinha é mesmo a mulher mais especial e importante para mim a seguir à minha mãe. É avó da minha afilhada e, não sendo da minha família de sangue, todos eles me são muito mais especiais do que aqueles que estão na árvore genealógica (alargada, entenda-se tios e primos).
Por isso, e daqui a muiiitos anos quando (se) eu tiver filhos, tenho quase a certeza que os irei baptizar. Porque a mim no baptizado não me foi imposta uma crença. Foi-me dada uma nova família (:

Seguindo, adoro as coisinhas da Bybaga. Lá está, não ligo nenhuma aos santinhos, apesar do meu segundo nome vir de uma santa, mas fico a babar com as ilustrações (:

Duchess disse...

Exactamente isso: ganhar uma família!!

beijo grande

Duchess disse...

Em relação ao fotógrafo, ontem tive uma proposta irrecusável!! se for em frente depois conto tudo aqui:):)

TERRA DE CORES disse...

Ando p comentar este post há q tempos...

Sobre o baptizado em si, os meus pais não me baptizaram nem a mim nem ao meu irmão, numa opinião de que não deveriam escolher por nós a religião, mto embora fossemos educados pela religião católica.

E por essa ordem de ideias, resolvi baptizar-me com 17 anos!! E gostei mto!
E até agora ainda não decidimos baptizar o F, q já tem 3A.
Há dias em q acho q assim é o mais correcto, mas por outro lado tb concordo q devemos entrar p "essa família", se acreditamos nisso.

Vou pensar nisso com outros olhos e com o coração aberto!...

Adorei as velas (lindas, lindas!) e o livro (mm giro!)... e agora a curiosidade da fatiota da C. e da mãe!! Do mais simples e do mais giro, de certeza!

Bjs gr

Anna Magdalena Bach disse...

Olá!

Quanto a fotógrafos, fale com a minha amiga Teresa Noéme, que também trabalha com a Catarina, do Ties Project.
É só procurar no google!
(diga.lhe que vem da parte da S.Ferreira)

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...